...e esgravata.

domingo, 25 de maio de 2008

_________________dia de céu limpo.

«[...]Claro que essa|s pessoa|s não me conhece|m, mas eu sim. Conheço-a|s intimamente; quase lhe|s decorei as fisionomias - e regozijo-me quando estã|o alegre|s, angustio-me quand_|o as vejo tristes.[...]»

in Noites Brancas, de F. Dostoievski.




____________________________#.

agora, sobre o amanhecer do dia; a lucidez e evidência da e na realidade...

lara diz que : claro que a tua felicidade é o meu contentamento.

eu digo que: claro que estás bem. és o meu regozijo. claro que não estou bem. és a minha angústia.
jaz.mim.tu_aqui diz: claro que a minha felicidade seria o nosso contentamento.







2 comentários:

teresa disse...

Jóia rara é o que tu és.

Mts Beijinh*s ;)

Lara disse...

meu amor...

***inhos, muitos para ti também ;)**

armário.roupeiro: cabides.

jaz.mim_tu... aqui, deixara de o ser.

à espreita de fa|c|to & gravata.

Seguidores