...e esgravata.

sexta-feira, 18 de abril de 2008

______________________do não sei quê.


«Que dias há que na alma me tem posto
Um não sei quê, que nasce não sei onde,
Vem não sei como, e dói não sei porquê.»


Luís de Camões


por que razão terá de ser a minha dor o mais belo poema d'amor...?


5 comentários:

teresa disse...

Desde o secundário q n lhe ponho a vista em cima.

jaz.mim_tu... aqui. disse...

:)

jaz.mim_tu... aqui. disse...

...


:(


...

nem imaginas... estás on-line?

teresa disse...

Doente como é já deve ter criado 1000 alteregos para 3000000 mil blogues!
DEVIAS ESTAR ALIVIADA!

Jokas e bom fds!

jaz.mim_tu... aqui. disse...

shhhuuu!

não digas isso...

armário.roupeiro: cabides.

jaz.mim_tu... aqui, deixara de o ser.

à espreita de fa|c|to & gravata.

Seguidores