...e esgravata.

quarta-feira, 11 de junho de 2008

_______________________#.























Não acredito no 'Surrealismo'.
Não há nada de mais surrealista do que a realidade do meu aqui e agora.


[Fotografia de Fernando Lemos].






9 comentários:

teresa disse...

É natural que nao gostes do surrelismo com uma coisa assim tão farfalhuda, quem gostará?

jaz.mim_tu... aqui. disse...

:D ... bis, tris, quatris, quintuplis....

adorável o teu comentário, simplesmente delicioso...

:D

un petit peu fafalhudona-ona-ona é certo, no entanto em termos plásticos, e estéticos, fica bonito, para acentuar o contraste comático da dita "coisa"... e tal...

:P

hum, no te piace bella?

teresa disse...

Só te digo que a coisa tá preta...

jaz.mim_tu... aqui. disse...

para o surrealismo a coisa está sempre preta, tudo muito id'esco, pesadelos e afins...

:D

:P

mas negro, negro,
para que lado? para o teu, vosso, ou nosso?

teresa disse...

É pra o meu mesmo!!! ^_^

jaz.mim_tu... aqui. disse...

...

...

como assim? há falta de um salão de estética por perto, falta marcação para a depilação, ou de que lado/ ou parte estás a falar?


...

já não estou a perceber o conteúdo da conversa, juro...

teresa disse...

AAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!

jaz.mim_tu... aqui. disse...

!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
???????????????????
?!?!?!?!?!?!?!?!?!?
...................

joão disse...

Que badalhocas, meu Deus...

armário.roupeiro: cabides.

jaz.mim_tu... aqui, deixara de o ser.

à espreita de fa|c|to & gravata.

Seguidores